segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

DETERMINAÇÃO

Mesmo que o destino me fale não,
Que a vida jogue pedras no meu caminho,
Mesmo assim vou levantar do chão,
Não vou desistir de voar, de ser um passarinho.

Vou lutar, vou vencer, ainda estou vivo,
Não vou deixar os problemas me afetarem,
Vou resolvê-los, vou mostrar-me que consigo,
Não vou me iludir por uma miragem.

Vou chorar de saudade,
Tenho mil razões para sorrir,
A tristeza não vai apagar minha felicidade.

Vou seguir meus sonhos,
Sonhos que sonhei pra mim,
Ate que minha história chegue ao fim.