quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

MEU OBRIGADO


Sempre escrevo pensando nas histórias amorosas,
Nos amores vividos, com lágrimas e risos,
Tento passar a poesia de uma forma bem saborosa,
De forma simples onde eu eternizo-os,

Tento sempre mexer com os corações,
Tocando nos sentimentos revelando as emoções,
A cada palavra um pensamento de amor,
nos versos um pouco de mim como escritor,

Aos meus fãs todo meu agradecimento,
O meu presente é fazer cada vez melhor as poesias,
Falando de amor e de sentimentos.

Prefiro ser um menino,
Do que um homem insensato,
Aqui fica o meu obrigado.