quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

A DOR DE UM AMIGO


Não se sinta desse jeito,
você fez o que eu faria,
amor não se prende no peito,
e nem sempre vivemos alegria,

amou como tinha que amar,
fez de tudo o que podia fazer,
lutou na luta que você tinha que lutar,
você perdeu, mas chega de sofrer.

procure outro amor,
acredite no amor e seus derivados.
ou vai ficar remoendo essa dor?

pode contar comigo,
sei como é coração dos apaixonados
não suporto ver você assim meu caro amigo.