terça-feira, 16 de agosto de 2011

Sem amor, sem coração

Sem amor, sem coração

se foi o meu amor,
feito a chuva que virou vapor,
estou rachado pelo tempo,
nesse dia sem sol tão cinzento.

Estou cortado e despedaçado,
coração não tem pedaços,
mas ainda estou vivo...
mas sem nenhum motivo.

solidão fere peito pega de jeito.
não sinto dor,
porque não tenho emoção.

Ferida mortal você deixou,
com afeto e carinho você me enganou,
estou vivo mas sem amor, sem coração.