terça-feira, 24 de julho de 2012

Drogado de amor


Enquanto eu tento te amar,
você só pensa em me enganar,
enquanto eu te desejo,
você inventa desculpas e nega seu beijo.

Tenta me convencer que não é uma criança,
mas suas atitudes só me fazem perder a esperança,
disfarça, diz que gosta de mim,
mais na verdade nem liga tanto assim.

Me pede paciência,
me dopa com sua ausência,
vivo drogado,
por esse amor que só me deixa magoado.