terça-feira, 31 de julho de 2012

Um só destino


Sou refém de um caso complicado,
vitima de amor desatinado.
sou cúmplice de uma paixão enrolada,
de uma dor que me judia nas madrugadas.

Preciso cuidar de mim,
esquecer esse sofrimento ruim,
eu quero encontrar novo amor,
que por mim saiba dar valor.

Não quero pedaços de carinhos,
migalhas de sentimentos,
quero me unir vivendo um só destino.