terça-feira, 27 de novembro de 2012

Chuva de lembranças (Arco-íris)




A chuva cai me fazendo lembrar dela,
os pingos riscam o vidro da minha janela,
outra vez me perco em pensamentos,
outra vez me torturo com meus sentimentos.

Longe do meu amor tudo é mais que saudade,
perto, tudo é mais que alegria é pura felicidade,
minha dor se mistura com meu amor virando um Arco-Íris,
meu coração é depende desse amor... para bater feliz.

Te procuro em meio a tantos olhares,
te busco por todos os lugares,
a chuva se mistura as minhas lagrimas.

Luto com a solidão; animal selvagem,
estou preso na ilusão armadilha chamada; miragem,

Só teu amor... pode me salvar,
só você... pode me amar.