terça-feira, 3 de setembro de 2013

Distante de você


Distante de você,
eu me sinto tão sozinho,
as noites são eternidades,
o meu riso desconhece já a felicidade.

Nesses caminhos que ando,
a cada passo aumenta o que sinto,
a cada batida do meu coração sei que te amo.

Posso estar sozinho aqui agora,
lágrimas podem rolar do meu rosto,
mas a solidão nunca vai apagar esse amor.

Esse amor me dá forças pra continuar,
me dá esperança pra não desistir
me dá vida para não morrer aqui.

Sei que existem muitas montanhas entre nos,
e longe só aumenta a vontade de estar perto
da pessoa que me faz ficar de pé em cada amanhecer.