sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Vida


Assim é a vida, estranha!
Assim é a vida, triste!
assim é a vida, passageira!
e as vezes alegre.

Não queira entender a vida, apenes viva!