quinta-feira, 24 de abril de 2014

Uma voz e um amor


Sou tão pequeno,
sou areia do universo,
um grão em meio a toda colheita,
sou apenas um sorriso no resplendor da alegria.

Nada do que eu que possa fazer,
pode me tonar melhor ou mais importante,
sou apenas mais um entre milhares,
apenas mais um mortal com seu destino traçado.

Apesar de ser tão pequeno,
e estar entre tantos,
ouço uma voz dizendo que não estou só.

Em meio as lágrimas,
e amargurando dificuldades,
ouço uma voz dizendo que não estou só.

Por mais que seja escura minha vida,
e que meu coração seja escravo da solidão,
ouço uma voz dizendo que não estou só.

Mesmo sendo areia do universo,
sendo tão pequeno feito um grão,
escuto uma voz e sinto um amor.
A voz e o amor de Deus!