segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Coração injuriado


Tento esquecer aquele seu beijo,
tento negar o sentimento que sinto,
vivo me escondendo em mentiras,
disfarçando sorrisos com falsas alegrias.

Viro noites em solidão,
cabeça não pensa com essa paixão.
por mais que eu fuja sempre te levo comigo.
por mais que eu lute sempre sou vencido pelo o inimigo.

Estou num deserto,
sem destino certo,
coração é sempre vítima da solidão.

Estou perdendo o rumo da vida,
andando sem direção, sem alegria.
coração já não escuta os conselhos da razão.

Preciso decidir o que vai ser de mim,
antes que eu enlouqueça nesse caso complicado,
que faz meu coração viver indeciso e injuriado.