quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Honesta


Você já não gosta de mim,
só quer minha atenção,
te falta palavras, te falta coragem
pra dizer que não está tudo bem.

Seja sincera,
diga a verdade,
pare com essa brincadeira,
e revele essa ansiedade.

Se o amor se foi,
pra que ficar me iludindo?
Pra que viver num delírio?

Se realmente me amou um dia,
não me faça ser escravo dessa rotina,
decrete o fim e seja como sempre foi... Honesta!