quarta-feira, 13 de maio de 2015

Um pedido


Não consigo entender,
seu motivo de querer se esconder,
de querer dar um tempo,
de fugir do meu sentimento!

Briga, reclama e cria um caso,
sempre que as coisas não são do seu agrado,
impõe seu pensamento,
ignora meus argumentos.

E assim tudo vira de cabeça para baixo,
nada pode mudar,
enquanto o sangue não esfriar.

Mas quando vem a noite o ódio dá lugar ao amor,
entre lágrimas e beijos um pedido de perdão fica no ar,
e assim os corações que cedo brigavam voltam a se amar!