sexta-feira, 16 de outubro de 2015

O que eu faço

Eu me acostumei com você,
me sinto um estranho longe,
sinto falta do seu carinho,
do seu toque doce em mim!

Eu me acostumei com você,
com a sua voz rouca pela manhã,
sinto falta do seu cheiro,
do seu lindo sorriso me olhando!

E agora o que eu faço?
Sem você não sou nada!
E agora o que eu faço?
Sem você sou apenas metade!

E agora o que eu faço?
Só aprendi amar você
e mais ninguém!